Após corte do MEC, Ufba tem R$ 37 milhões bloqueados

Universidades de Brasília e Federal Fluminense também tiveram recursos cortados

Após o anúncio do ministro da Educação, Abraham Weintraub, de cortar recursos de universidades federais, a Universidade Federal da Bahia (Ufba) teve R$ 37,3 milhões bloqueados. A informação foi divulgada na terça-feira (30). Segundo a instituição, o corte irá impactar em despesas como água, luz e limpeza até o final de 2019.

A decisão do MEC cortou 30% do orçamento da Ufba e das Universidades de Brasília (UnB) e Federal Fluminense (UFF). A medida ainda deve afetar outras instituições de ensino superior federais. Na declaração, o chefe da pasta atribuiu o corte à “balbúrdia” supostamente promovida pelas universidades.

“Universidades que, em vez de procurar melhorar o desempenho acadêmico, estiverem fazendo balbúrdia, terão verbas reduzidas. Universidade deve estar com sobra de dinheiro para fazer bagunça e evento ridículo”, pontuou o ministro.

Em um ranking da Times Higher Education (THE), da revista inglesa Times, a Ufba figura como a 1ª melhor universidade do Nordeste, a 10ª do Brasil e a 30ª da América Latina. Na lista das mil melhores instituições do mundo, 15 brasileiras aparecem, e 36, quando se considerada uma lista com 1.100 universidades.

 

FONTE: Varela Notícias

Deixe uma resposta

Fale conosco

Endereço: Praça Pedro Rabelo de Matosnº 08, Centro, Paripiranga (BA)

Fone: (75) 3279-2135

Anuncie

Anuncie sua marca na rádio e no site. Entre em contato.

Participe via whatsapp

(75) 99814-7184